domingo, 10 de agosto de 2014

Pra Você

É pra você as minhas palavras mais bonitas,
O sorriso mais belo,
O sentimento mais verdadeiro.
É você quem desperta em mim o melhor que eu quero ser,
E é pra você o meu melhor.
É você quem mora nos meus pensamentos,
Que alegra meu coração.
É você que conquista cada dia meus cuidados,
Minha atenção.
É com você que quero passar as horas que meu relógio insiste em passar rápido (só porque estou com você).
É somente pra você o sorriso que brotar em meu rosto ao olhar seus olhos,
É por você também o tempo que fico olhando o anoitecer dos seus olhos.
E se for pra ser sentimento,
Que seja por você o meu amor e o meu carinho.

quinta-feira, 24 de abril de 2014

Solidão


O pensamento voa,
O silêncio ecoa,
Tão barulhento e disperso,
Parece um caos eterno,
Que confunde a minha mente,
Como quem sente,
Que há uma multidão aqui,
Mas não há nada aqui e nem alí,
Há somente um eu,
Que no meio do vazio se perdeu,
E agora anda a espera da luz,
Que conduz,
Conduz a solidão,
Para longe desse pobre coração,
Que só quer se ocupar,
Deixar e ser vazio e amar,
Que não vê a hora de sair desse lugar frio,
Refazer aquilo que está por um fio,
Para encontrar seu amor,
Que desde outrora se ausentou.

domingo, 12 de janeiro de 2014

Você É Um Idiota


Você desistiu de tudo,
Inclusive de nós.
Disse que nosso amor não valia a pena,
Que não existia mais.
Mas sabe, querido,
Você é um idiota.
Você não soube esperar,
Não soube me encantar e me envolver, baby.
Você acha mesmo que eu ia esperar tanto tempo?
Você não soube esperar pelo seu troféu.
Agora, querido,
Não nos temos mais,
Não restou nada da gente,
Porque você é um idiota.
Não soube esperar.
Você me disse pra ser feliz com outro alguém, e foi embora,
Eu estou sendo feliz comigo mesmo, baby.
E fico feliz de que não foi com você,
E que não será com você.
Porque você é extremamente imbecil.
Meu desejo e meu amor agora são meus,
Darei a quem quiser,
Porque você não soube esperar.
Agora, só terá rastros meus espalhados por sua mente e sua casa,
Porque não há mais nós,
Nem o nosso amor.

domingo, 5 de janeiro de 2014

Dueto: Amor A Primeira Vista

Quando te vi pela primeira vez
Bateu mais forte o meu coração
Tão forte o sentimento, 
Que perdi os sentidos e a direção
Foi amor a primeira vista,
Foi sobrenatural.
O que senti naquele momento,
Nunca senti igual.

Tomou conta de mim de repente,
Descobri o meu mundo em seus olhos.
Tudo o que eu queria estava em minha frente, 
Despertando sentimentos novos.

Foi como um sonho, 
E eu não queria acordar,
Ele era meu príncipe e eu sua princesa.
Quando ele me retribuiu o olhar fiquei sem chão...
Não sabia nem o que pensar.

Foi tudo grandiosíssimo, 
Parecia que eu estava a sonhar,
Pensei que estivesse no paraíso, Envolvida em amor...
Com o coração acelerado,
Senti que eras meu amado.
Pois alguma coisa me tocou, 
Era você,
Você a quem eu quero pertencer...

Não! Assim dizia a razão.
Sim! Assim dizia meu coração.
Era um novo amor e eu decidi ouvir a voz que emanava do meu coração,
Estava como uma fruta pronta para ser colhida,
Colhida pelo meu amor
E ele chegou, e me amou, me tocou....
E tirou-me de vez dessa solidão 
Hoje feliz estou, com o meu amor.

Autor(a): Gilcimar Teixeira e Ana Paula Marinho

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Lembranças

A gente percebe que não ta bem quando precisamos de um remédio para dormir,
Seja ele químico,
Espiritual ou sentimental.
Tento fechar os olhos,
E os pensamentos que evito durante o dia,
Vêm todos a tona.
Difícil não pensar,
Não sentir,
Não chorar...
Alma sensível,
Tudo me lembra,
Tudo me inspira,
Tudo me arrebata para imensidões escondidas dentro de mim.
Perdidas e achadas por mim mesma.
E mesmo que eu teve não lembrar,
Eu sei que estará lá no fundo,
Onde sempre está.
Para onde vão todas as coisas que Não quero e nem preciso mais,
Mas que lotam.
E transbordam dentro de mim...
E machuca,
Machuca como água salgada na ferida.
E sempre sinto toda vez que lembro,
Que penso e não durmo.

#dói